Vídeo do Dia: Como lidar com celulares em shows, por Marky Ramone

Vocês se lembram quando postei o Infográfico sobre a evolução do público do Rock? Talvez não, né? Tem muito tempo, então, cliquem aqui para ver.

Pois bem, o Marky Ramone, baterista do Ramones, criou uma sensacional solução para esse movimento horroroso que vem desde o início dos anos 2000: a tal da câmera/celular filmando shows.

Marky-Ramone-copy

Coisa insuportável, idiota. A pessoa fica vendo o show pela lente, ao invés de ver a banda, que está logo ali na frente.

Vejam o vídeo, mesmo quem não souber inglês. Basta assistir.

Hilário!

Sensacional!

Eu acho não faria, só pelo medo de apanhar. Acho que não sou tão punk assim.

Mas que é fucking brilliant, é!

Volto mais tarde | Ao som de Ramones – I Wanna Be Sedated |

No iPod: Blur no Brasil!

Desde a criação do words of leisure, mais de dois anos atrás, eu resisti em fazer o que estou prestes a escrever.

Mas é com muito orgulho que coloco a minha primeira sequência de palavrões por aqui.

Afinal, razão mais nobre não há.

Tampouco palavras para substituir…

PS: Puritanos, Vade retro!!

blur

Puta que pariu! Puta que pariu! Puta que pariu! Puta que pariu! Puta que pariu! Puta que pariu! Puta que pariu!

ok….

Morri.

Mas só um pouco.

Objetivo de vida: cuidar da saúde como nunca, para chorar e me acabar em novembro.

Não ter ido ao show que a banda fez no Brasil, em 99, é meu maior arrependimento na vida (no que se diz respeito a shows, claro).

Para ler a reportagem do Omelete, clique aqui.

Volto mais tarde | Ao som de Blur – Chemical World  |

Música do Dia: Barão Vermelho – Amor, Meu Grande Amor

Tomorrow!

baraobh

Amor, meu grande amor, não chegue na hora marcada 
Assim como as canções, como as paixões e as palavras 
Me veja nos seus olhos na minha cara lavada 
E venha sem saber se sou fogo ou se sou água 
Amor, meu grande amor, que chega assim bem de repente 
Sem nome ou sobrenome, sem sentir o que não sente 

Volto mais tarde | Ao som de Barão Vermelho – Amor, Meu Grande Amor |

Música do Dia: Barão Vermelho – Puro Êxtase

Versão ao vivo que é melhor!

baraobh

Toda brincadeira, não devia ter hora para acabar
Toda quarta feira ela sai sem pressa pra voltar
Esmalte vermelho, tinta no cabelo
Os pés no salto alto, cheios de desejo
Vontade de dançar até o amanhecer
Ela está suada, pronta pra se derreter!

Ela é puro êxtase, êxtase.
Barbies, Betty Boops,
puro êxtase

Volto mais tarde | Ao som de Barão Vermelho – Puro Êxtase |

No iPod: A Evolução do Público do Rock

E(in)volução?  O que vocês acham?

Mais uma vista no 9GAG…

Mesmo sendo totalmente viciada em tecnologia, nesse aí sou anos 90 mesmo!

Já tive meus momentos de filmar algumas músicas em um show….passou, passou.

Volto mais tarde | Ao som de Oasis – Round Are Way |

Música do Dia: The Cardigans – You’re The Storm

Devoto muito amor a essa banda…..

The Cardigans - You're the Storm

I’m an angel bored like hell
And you’re a devil meaning well
You steal my lines and you strike me dumb
Come raise your flag upon me
And if you want me, i’m your country
If you win me i’m forever, oh yeah

Eu, minha camisa da Guinness e meu setlist do show deles em BH, com as guitarras usadas pelo lindo do Peter

Volto mais tarde | Ao som de The Cardigans – You’re The Storm |

Música: Entrevista Com o Noel

Só hoje vi a entrevista feita pelo Estado de São Paulo com o Noel Gallagher  – ou, para muitos como eu, Deus. Ou não.

Fonte: Estadão

Estou deprimida porque não poderei vê-lo ao vivo aqui no Brasil, para tocar o magnífico “Noel Gallagher’s High Flying Birds”. Mas como não sou egoísta (sou sim, mas nem tanto), coloco o link da entrevista aqui.

Ps: Assim o faço mesmo o jornalista tendo chamado o disco de “mediano”….aff!

Volto mais tarde.

Ao som de Noel Gallagher’s High Flying Birds – Dream On

Música do Dia: Joe Cocker – You Can Leave Your Hat On

Já que falei de filmes hoje, aproveito para colocar a trilha de uma de uma cena bem famosa da história do cinema.

Joe+Cocker+-+You+Can+Leave+Your+Hat+On

E por que faço isso? Porque sábado verei esse cantor ao vivo!

You give me reason to live
You give me reason to live
You give me reason to live
You give me reason to live

Volto mais tarde | Ao som de Joe Cocker – You Can Leave Your Hat On  |

Música do Dia: The Smiths – How Soon Is Now?

Esse é um post programado afinal, nesse exato momento, eu já me encontro no Chevrolet Hall (assim espero), surtando (assim espero), para ver essa lenda do Rock.

The Smiths - How Soon Is Now?

When you say it’s gonna happen “now”
Well, when exactly do you mean ?
See, i’ve already waited too long
And all my hope is gone

Volto mais tarde | Ao som de The Smiths – How Soon Is Now? |

Música do Dia: The Smiths – There Is a Light That Never Goes Out

Gizuis, é amanhã!

The Smiths - There is a Light That Never Goes Out

Legal demais essa arte…

Take me out tonight
Where there’s music and there’s people
Who are young and alive
Driving in your car
I never never want to go home
Because I haven’t got one anymore

Volto mais tarde | Ao som de The Smiths – There is a Light That Never Goes Out |

Música: Morrissey e Joe Cocker

Dois monstros do Rock tocarão em BH em março. Morrissey e Joe Cocker!

E como uma boa* belo-horizontina fã do estilo musical, preocupo-me profundamente com o quão cheio estará o Chevrolet Hall. Como a publicidade, como sempre, está fraca, vira e mexe postarei algo aqui. Pelo menos a minha consciência ficará tranquila.

Foto by me. Feita no Pixlromatic :-)

 

Por exemplo, o que é esse cover feito pelo Joe Cocker, de Maybe I’m Amazed, do Paul McCartney?

Já que não vi no show do original, tem que tocar nesse!

Volto mais tarde | Ao som de Joe Cocker – Maybe I’m Amazed |

* WTF!

Música: E Que Comece a Temporada de Shows de 2012!

Acabei de surtar ao ler a reportagem:

 Joe Cocker e Roger Hodgson do Supertramp farão shows no Brasil

Fonte: Território Eldorado

Principalmente com o trecho: “Até o momento, está confirmado show em Minas Gerais, em Belo Horizonte. Em BH, Joe Cocker se apresenta no dia 31 de março.”

Quem me acompanhará?

Volto mais tarde.

Ao som de Joe Cocker – Maybe I’m Amazed.