Dica de Leitura: Ricardo Lísias, “O Tom Certo”

O Ricardo Lísias já foi tema de vários posts aqui no words of leisure, né?

Eu realmente gosto da escrita do moço, como vocês podem ver aqui.

ricardolisias-tomcerto
Fonte: Revista piauí

Então, cá estou eu para recomendar mais uma leitura. Desta vez, o texto é “O Tom Certo“, publicado na edição 79 da revista piauí.

Cito:

Eu e o Orlando nascemos no mesmo dia: 7 de julho de 1975. Não sei, porém, se foi por causa da data do nosso aniversário que entramos um ano antes na 1ª série. Não tínhamos noção, mas estávamos adiantados. Aprendemos a ler antes de completar 7 anos. A sala era pequena e os alunos demonstravam mais ou menos o mesmo nível.

Não me lembro de quase nada. O Orlando tinha uma lancheira maior que a minha e gostava de correr na hora do recreio. Eu detestava, mas de vez em quando ia atrás dele. A gente evitava o banheiro do pátio porque a loira morava na última portinha. O do corredor não tinha fantasma, embora eu também não gostasse de usá-lo. Meu amigo era mais corajoso.

Muito bom, vale a pena ler.

Volto mais tarde | Ao som de Raul Seixas – Maluco Beleza |

 

Anúncios

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 Anos Do The Sign/Happy Nation, do Ace of Base

Não foi ontem, tampouco antes de ontem. O Happy Nation, disco de estreia do Ace of Base, foi lançado em fevereiro de 2013 na Europa, e em setembro do EUA, com o nome de The Sign.

Mas eu só vi semana passada e só consegui escrever a respeito, hoje.

Ace Of Base - The Sign (1994)

Então, alguém me pergunta: “Viviane…sério que você está escrevendo sobre Ace of Base? Como assim?”

Bom….

É porque esse foi o primeiro cd de banda estrangeira que eu comprei na vida.

Sim, 20 anos atrás eu comprava meu primeiro disco de gringos…

cacilds

Só tinha 1 ano de idade, viu?

#sqn

O primeiro cd, mesmo, foi esse aqui.

4

Ace of Base não é bom não.

Ace of Base é ruim.

Mas o pior é que eu gosto. São apenas seis músicas entre as minhas mais de 9 mil. Só que elas estão aqui comigo. Há 20 anos.

Então, parabéns a banda.

Volto mais tarde | Ao som de Ace of Base – Don’t Turn Around|