Hoje…Algum Tempo Atrás: A maioridade do The Colour and the Shape, do Foo Fighters

Hoje, o meu disco favorito do Foo Fighters completa 18 anos!

ff-The Colour and the Shape

Continue reading

Dica de App: Today In History, gratuito hoje!

Recebi a notícia que um aplicativo chamado Today In History está gratuito apenas hoje, na App Store.

Sim, é uma versão em app para o “super amado, super líder de audiência e muito menos atualizado que gostaria”: Hoje…Algum Tempo Atrás.

Teoricamente, não tenho mais motivo para não atualizar o words of leisure, né?

Bom, teoricamente…

tih

Como baixei hoje, não tenho como opinar de forma mais profunda, mas me pareceu legal.

Então, aos amantes de história, vale a pena conferir.

De graça, né?

Para baixar, basta clicar na foto acima.

Volto mais tarde | Ao som de U2 – Van Diemen’s Land |

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 15 anos do Return of Saturn, do No Doubt

Ontem, o Return of Saturn do No Doubt completou 15 anos de vida!

return-of-saturn

Continue reading

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 anos do “The Beacon Street Collection”, do No Doubt

Ao contrário dos últimos álbuns postados aqui no words of leisure, o The Beacon Street Collection não marcou a minha vida, à época do seu lançamento. Fui conhecer anos depois…

Na realidade, marcou a vida de “poucos”, pois ali o No Doubt ainda não tinha explodido.

De produção toalmente independente, feito todo pela banda, vendeu 100.000 cópias. Isso garantiu a produção do seu terceiro álbum. Aí, tudo mudou.

Visto que o terceiro é o Tragic Kingdom.

the-beacon-street-collection-50b1e43676452

Continue reading

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 anos do “Elastica”, do Elastica

Quando prometi, aqui, ser mais atenciosa com os álbuns que completam 20 anos em 2015, eu tinha vários discos em mente, que queria homenagear.

Sendo o Elastica, do Elastica, um dos mais importantes da minha adolescência, fica desnecessário dizer que ele estava muito bem posicionado nessa minha lista mental.

20 anos dessa belezura…Ontem!

Elastica

Sei que várias pessoas não conhecem o Elastica. A mim resta sentir muitíssimo por elas.

Continue reading

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 anos do “The Bends”, do Radiohead

Ontem, o meu disco favorito do Radiohead completou 20 anos!

radiohead_bends

Continue reading

Música do Dia: Coldplay – Shiver

De acordo com a banda, a belezura de Shiver completou 15 anos de vida, ontem.

Não tem jeito, mesmo com tantas músicas lançadas, ela permanece como a minha favorita.

Lindona demais.

coldplay-shiver

So I look in your direction
But you pay me no attention, do you?
I know you don’t listen to me
‘Cause you say you see straight through me, don’t you?

Volto mais tarde | Ao som de Coldplay – Shiver |

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 anos do Life, do Cardigans

É, o Hoje…Algum Tempo Atrás está de volta, de com força!

 Hoje, com um álbum que fui ouvir de verdade, e amar, anos depois.

A banda, o Cardigans, eu comecei a gostar no álbum seguinte. Para amar e virar uma das minhas bandas mais amadas, um tempo depois.

Pois é, nada aconteceu no “tempo certo”, digamos assim…

IMG_0412

Continue reading

Música do Dia: Jewel – Near You Always

Pieces of You, da Jewel, completou 20 anos hoje, como falei mais cedo no post Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 anos do “Pieces of You”, da Jewel.

Nele, Foolish Games é disparada a minha música favorita. Mas, como ela já apareceu aqui no words of leisure algumas vezes fico com Near You Always, que também é muito bela.

Jewel-jewel-1280808-1400-1050

Please don’t kiss me so sweet,
It makes me crave a thounsand kisses to follow
And please don’t touch me like that
Makes every other embrace seem pale and shadowed
And please don’t come so close
It just makes me want to make you near me always

Volto mais tarde | Ao som de Jewel – Near You Always |

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 anos do “Pieces of You”, da Jewel

No último domingo, eu escrevi o post No iPod: Músicas que completam 21 anos em 2015.

Nele, lamentei por não ter conseguido escrever os Hoje…Algum Tempo Atrás referente aos álbuns que completaram 20 anos em 2014.

Aí, deixei a expectativa de tratar 2015, e consequentemente 1995, com mais carinho.

Algo que começa a ser cumprido agora, com os 20 anos do Pieces of You, da Jewel.

Arquivo Pessoal

Arquivo Pessoal

Sim, ele foi lançado no dia 28 de fevereiro de 1995. Impressionante.

Continue reading

No iPod: Músicas que completam 21 anos em 2015

21 anos? Como assim?

Bom, uma das coisas que mais me deixou chateada em relação ao words of leisure, no ano passado, foi não ter conseguido fazer os Hoje…Algum Tempo Atrás com os discos que completaram 20 anos em 2014.

Falo isso porque 1994 foi um ano tão sensacional para a música…e para mim… que impressiona.

1994

Particularmente, 1994 e 1995 são anos que marcaram profundamente o meu gosto musical e a minha forma de consumir música. Por isso, de todos os anos que eu poderia me dedicar menos ao Hoje…Algum Tempo Atrás, 2014 não poderia ter sido um deles.

Continue reading

Retrospectiva 2014 wol: Os posts mais acessados

2014 foi um ano que não consegui fazer tantos posts quanto gostaria, por motivos diversos. Poucos comentários sobre álbuns, poucos TED Talks, poucos Hoje…Algum Tempo Atrás e por aí vai.

C’est la vie.

Com isso, as Tirinhas do Dia, Frases do Dia, Músicas do Dia acabaram ficando mais em evidência. Veremos como será 2015.

Pois bem, deixando o lamento de lado, coloco abaixo os posts mais acessados em 2014, que foram escritos neste ano.

5. Frase do Dia: Robin Williams e a Pior Coisa da Vida

5Robbie-Vida

Continue reading

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 anos do primeiro título do Schumacher

Como bem lembrou o Gabriel Curty, do Grande Prêmio, muitos dos fãs da F1, nós brasileiros especialmente, lembramos de 94 como o ano da morte do Senna (e do Ratzenberger).

Mas ele também foi o ano do primeiro título mundial do Michael Schumacher.

Não, eu nunca fui a maior fã dele. Mas é difícil rebater sua grandeza para o esporte.

Brilhante.

Schumacher

Como não sentir uma tristeza ao escrever sobre ele e pensar como se encontra agora?!

Essa vida é muito esquista, viu?

Fica aqui a homenagem.

Bacana ver que o site dele foi relançado pela família, para que as pessoas possam homanegeá-lo nesse dia especial.

Schumacher site

Seus desejos nos dão forças.

Diz a família.

Bonito isso.

Schumacher family

Para ler sobre o primeiro título, no Grande Prêmio, clique aqui.

Para entrar no site oficial dele, clique aqui.

#ForzaSchummy.

#KeepFightingMichael

Volto mais tarde | Ao som de Foo Fighters – Monkey Wrench |

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 10 anos do início de Desperate Housewives

2014: o ano em que quase nenhum dos Hoje…Algum Tempo Atrás foi postado no dia certo.

Impressionante.

Ontem…10 anos atrás…foi ao ar o episódio piloto de Desperate Housewives, uma das minhas séries favoritas na vida.

TERI HATCHER, MARCIA CROSS, FELICITY HUFFMAN, EVA LONGORIA, NICOLLETTE SHERIDAN

Tudo o que eu pensava sobre ela, ainda na época que era transmitida, foi escrito aquit: Séries de TV: Desperate Housewives.

Basicamente, nada mudou.

Esse post rendeu um convite para escrever sobre a última temporada dela, no Canal de Séries, algo que me fez muito feliz naquele momento (tirando o fato que acabei não escrevendo sobre o derradeiro episódio por conta de uma viagem, algo que lamento até hoje). Os posts podem ser visto aqui.

Desperate Housewives marcou época! As atrizes, os textos, a mistura de drama/suspense/humor. Aquilo ali foi brilhante, brilhante.

Claro que teve seus altos e baixos. Algumas temporadas não foram tão boas quanto as outras (tipo a segunda, a sexta…). Mas outras foram históricas, principalmente a primeira. O que foi feito ali, uma série protagonizada por atrizes acima dos seus 40 anos de idade, seus índices de audiência. Tudo sensacional.

Também a quarta e a última foram incríveis! As três são as minhas favoritas.

Eu não fui a única, obviamente, que achou que a série merecia destaque nessa data tão significativa:

10 Years Later, The First Season Of ‘Desperate Housewives’ Is Still A Television Touchstone

Desperate Housewives: Who was nearly cast in Wisteria Lane?

Happy 10th Anniversary, Desperate Housewives

Desperate Housewives: What do the cast look like 10 years on?

Abaixo, a promo do primeiro episódio.

E, abaixo, o do último.

E, como não poderia deixar de ser, a saudosa abertura:

Saudades demais.

Volto mais tarde | Ao som de Fernanda Takai – Insensatez |

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 anos do Pulp Fiction

Foi na semana passada, dia 10 de setembro, mas eu só vi ontem, então…

Há 20 anos atrás, era lançado Pulp Fiction.

Um dos primeiros do Quentin Tarantino e um dos únicos que eu assisti inteiro.

1994-pulp-fiction-poster2

Sim, personas, eu não tenho estômago para ver os filmes dele.

Um tanto de gente fala que eu sou besta por isso, mas é a verdade….pressão cai horrores!

E ainda bem que vi o Pulp Fiction! Não somente por ser excelente, mas a trilha sonora é inacreditável! Amo demais!

O que dizer do Urge Overkill, com a sua: Girl…..tan dan tan tan….You’ll Be A Woman….. Soon!

Sensacional!!

Eu não sou cinéfila, então me sinto totalmente incapaz de escrever algo mais aprofundado sobre o filme.

Só falo que ele é incrível, incrível, incrível…E que a Uma Thurman tava phodona.

Para ler resenha, veja a do Move That Jukebox, aqui.

Parabéns ao filme, vindo daquele monstruoso 1994.

Volto mais tarde | Ao som de Urge Overkill – Girl, You’ll Be A Woman Soon |

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 10 anos do ouro em Atenas

Muita gente acha que meu esporte favorito é o futebol, principalmente pelo tanto que eu falo do meu time lindo.

Não é.

Já tem mais de 15 anos que esse posto é ocupado pelo vôlei. Que já me rendeu não somente emoções absurdas, mas duas das amizades mais importantes da minha vida.

 Dentre essas emoções, está lá o ouro olímpico em Atenas, que hoje completa 10 anos!

volei brasil

Eu me lembro do técnico da seleção americana, na época, falar que o que essa geração estava fazendo pelo vôlei poderia ser equiparado ao que o Dream Team fez pelo basquete.

E foi isso mesmo.

O vôlei tem um “antes e depois” daquela geração.

Quando estavam em um bom dia, era quase impossível vencê-los.

Era legal demais.

Dos textos que li a respeito do aniversário do título, coloco abaixo o link da reportagem que mais gostei…

Aquele time que tinha vários melhores jogadores nas suas posições (Gustavo, Nalbert e Giba, Escadinha) tinha um que era verdadeiramente genial.

O que o Ricardinho fez pelo vôlei, poucos fizeram. Pena que, anos depois, acabou tendo sua história manchada.

Manchada sim, apagada jamais.

Ela estava muto acima de qualquer nível de normalidade. Incrível!

Obcecado pela vitória, Ricardinho revolucionou o vôlei por acaso

Concordo com tudo escrito ali.

Um número muito pequeno de atletas se torna sinônimo de títulos. Mais restrito ainda é o grupo de profissionais que muda a maneira como um esporte é praticado. Entre os integrantes deste seleto grupo está o levantador Ricardinho, uma espécie de Steve Jobs do vôlei. Como o gênio da tecnologia, o jogador fez o vôlei de seus antecessores parecer tão ultrapassado quanto um celular com tela preto e branco.

Um dia muito legal na história deste esporte e de todo mundo que gosta tanto dele.

Chorei um bocado naquele 29.08.2004

Volto mais tarde | Ao som de No Doubt – One More Summer |

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 20 Anos Do Extraordinário “Grace”

Há exatos 20 anos atrás*, vinha ao mundo um dos álbuns mais impressionantes, maravilhosos de todos os tempos.

Grace.

O brilhante Grace.

O maravilhoso Grace.

O desconhecido por muitos Grace.

JeffBuckley_Grace

Disco este que eu vim a conhecer nos anos 2000.

Continue reading

Hoje…Algum Tempo Atrás: 20 Anos Sem Mussum

Só vi hoje que o dia de ontem foi marcado pelos 20 anos sem Antônio Carlos Bernardes Gomes.

Ou “Mumu da Mangueira”.

Ou Mussum.

E vi essa figura abaixo.

Sensacional.

mussum

Ri demais.

Assim como ri muito com ele nos Trapalhões.

Coloco o link para o texto que o Felipe Moura Brasil fez, “Mussum forévis” e o Brasil que não existe mais. 

Dedé Santana: “Eu falei, ‘Renato, por que a gente não põe um afrodescendente?’, hoje é afrodescendente, né? No meu tempo eu falei: ‘por que a gente não bota um negão com a gente?”

O Brasil, de fato, era um tantinho melhor – mais maduro e menos melindroso, cínico, hipócrita – quando a praga do politicamente correto não tinha transformado piadas caricaturais em ofensa.

Sim, o Brasil já foi muito mais legal.

Volto mais tarde | Ao som de She & Him – Me And You |

Hoje…Algum Tempo Atrás: Os 50 Anos da Courtney Love

Não “Hoje”.

Ontem, uma das figuras mais doidas que eu já acompanhei completou 50 anos de idade.

Não, eu não concordo com tudo o que a Courtney Love fala. Longe disse.

Tampouco gosto de todas as suas músicas. Mas as que gosto…

Acontece que, em um mundo em que as cantoras estão cada vez mais fabricadas, sem personalidade….dementes, mesmo…. a Courtney Love se torna um alívio.

E me faz ser bem saudosista.

Por um mundo com mais Courtneys e Shirleys, pelo amor de Deus.

courtney-love-20041117-15337

Sem contar que ela foi a responsável por um dos momentos mais engraçados do ano, ao usar o Paint para mostrar como tinha achado o avião perdido na Malásia.

Sério, aquilo foi sensacional!

courtney-love

Doida até mandar parar.

Adoro!!

Então, já que (surpreendentemente) chegou aos 50, que venham mais 50!

Para comemorar a data, ela listou ao site XoJane suas 50 maiores obessões.

Primeirona: Sexo. Segundona: Sua filha com o Kurt Cobain, Frances.

Para ver as outras, clique aqui.

Abaixo, uma das minhas músicas favoritas da moça, com o Hole.

Parabéns a ela!

Volto mais tarde | Ao som de Hole – Celebrity Skin |