Coluna da Primogênita: Dica de BH – Deli Fresh Food

Quem acompanha o words of leisure, sabe que comida é um assunto importante para nós. Tanto que, neste ano, criamos uma coluna semanal exclusivamente para o tema, a Prato do Dia. Adoramos todo o universo da alimentação, não fazemos restrições a grupos alimentares, já que não temos nenhum problema médico. O que buscamos sempre, além de nos deliciar com uma boa refeição, é nos alimentar com qualidade, usar bons ingredientes, privilegiando, na medida possível, produtores locais em detrimento a comida industrializada. Além de mais gostoso, acreditamos que esse seja o caminho para uma vida mais sustentável, tanto para a saúde, quanto para o meio ambiente!

Foto: Paulo Cunha/ Deli Fresh Food.
Foto: Paulo Cunha/ Deli Fresh Food.

Continuar lendo “Coluna da Primogênita: Dica de BH – Deli Fresh Food”

Coluna da Primogênita: Dica de Paris – Restaurante Petit Pontoise

Há um tempo, quero escrever sobre esse restaurante. Ainda não tinha acontecido porque já há um tempo que estive lá. Mas recentemente, enviei uns espiões :) para testar a minha dica e como eles amaram muito, senti muita tranqüilidade em escrever esse post!

Petit Pontoise Fonte: zagat.com
Petit Pontoise
Fonte: zagat.com

Localizado no charmoso Quartier Latin, o Petit Pontoise é tudo aquilo que se imagina de um bistrô francês: pequeno, aconchegante, com pratos caseiros porém executados de forma sofisticada e que refletem a alma do chef que os faz! Como os franceses dizem, “un coup de coeur“, uma paixão!

Não seria exagero dizer que foi uma das melhores refeições que já fiz até hoje! Pense em magret de canard, fois gras, tarte tatin, tudo aquilo que a culinária francesa tem de mais tradicional feita com o maior capricho e delicadeza. Uma delícia!

Queijo camambert com crosta de amêndoas e mel.  Foto: Arquivo Pessoal
Queijo camambert com crosta de amêndoas e mel.
Foto: Arquivo Pessoal
Salada de caranguejo com alho poró.  Foto: Arquivo Pessoal
Salada de caranguejo com alho poró.
Foto: Arquivo Pessoal

 

Peito de pato com batatas.  Foto: Arquivo Pessoal
Peito de pato com batatas.
Foto: Arquivo Pessoal

E aqui há ainda um adicional que não faz parte do imaginário de muitos, quando o assunto é Paris: garçons super cordiais e simpáticos, sempre dispostos a ajudar na escolha dos pratos. 

Como o local é bem pequeno, sugiro fazer reserva ou chegar bem cedo. E minha maior sugestão: se estiver em Paris, vá!

Petit Pontoise

 9 Rue de Pontoise, 75005 Paris, France

Phone:+33 1 43 29 25 20

 

Coluna da Primogênita: Dica de BH- Restaurante Glouton

Para quem acompanha o agitado circuito gastronômico de Belo Horizonte, esse post não é nenhuma novidade.

Em menos de dois anos de funcionamento, o Glouton tem um nome bem estabelecido na cidade, já tendo recebido diferentes prêmios de peso, dentre eles, uma estrela no Guia Quatro Rodas, além do chef Leonardo Paixão ter sido considerado pela mesma publicação Chef Revelação do País e Chef do Ano de 2014/2015 pela Revista Veja Comer & Beber. Além disso tudo, com todas as pessoas que converso que já foram, em todos os comentários de blogs, revistas e críticos que leio, o Glouton é uma unanimidade. Quer prêmio mais importante que esse??

Então, aproveitei que, nesta semana, BH sediará o próximo jogo da seleção brasileira, atraindo todas as atenções e muitos turistas, para finalmente endossar todos esses prêmios com a minha humilde opinião: sem dúvida, o melhor restaurante de Belo Horizonte atualmente e, quem sabe, até mesmo, um dos melhores do Brasil!

A história do chef Leonardo Paixão, por si só, já é super interessante.

Fonte: glouton.com.br
Fonte: glouton.com.br

Médico, formado pela UFMG, após completar a graduação, fez as malas e foi estudar gastronomia na França. Já é admirável a coragem de correr atrás do próprio sonho, mesmo que isso implique abandonar a tradicionalíssima Medicina, na conservadora Minas Gerais, para se arriscar em um mercado cheio de altos e baixos, como o da gastronomia. Se tornar, então, um dos maiores chefs do país, não por marketing, mas por talento e qualidade inquestionável é um sucesso e um exemplo de que amar o que se faz, por mais longo e difícil que seja o caminho, vale a pena! 

A gastronomia é o foco principal do estabelecimento. Os ingredientes são sempre frescos e com isso, o cardápio sofre variações respeitando as diferentes estações do ano. Isso, além de proporcionar altíssima qualidade dos pratos, permite redução de custo. Não que o restaurante seja barato, mas considero o preço que se paga ali muito justo, um sentimento que tem se tornado cada vez mais raro na realidade de valores surreais cobrados na cidade. 

A culinária é uma fusão de influências mineira e francesa, executada de forma original, criativa, agregando técnica apurada e claro, a paixão do Leonardo. O resultado é uma comida primorosa e mais importante, deliciosa!!!

Tudo que já experimentei por lá, foi maravilhoso! Nada, nada mesmo, foi razoável! 

Camarões VG com ravioli de abóbora moranga e molho curry.
Camarões VG com ravioli de abóbora moranga e molho curry.
Entrêcote sauce bordalaise com batatinhas coradas
Entrêcote sauce bordalaise com batatinhas coradas
Torta de chocolate, flor de sal e pimenta do reino com calda quente de caramelo
Torta de chocolate, flor de sal e pimenta do reino com calda quente de caramelo
Creme brulée
Creme brulée

Além dos pratos acima, gostaria de sugerir dois pratos, que acho que de tão incríveis, acabei esquecendo de fotografar: os pintxos de polvo à galega, de petisco, que foi o polvo mais suculento que já comi na vida e deixou a vontade de transformar na minha refeição principal, repetindo várias vezes. De prato, a papada de porco ensopada e grelhada com mil folhas de mandioca. A carne é tão macia que dispensa faca para parti-la, ela desmancha! 

Bem, de qualquer maneira, não tem erro! Qualquer opção te deixará feliz!

Parabéns, Leonardo Paixão! Sua história e sua gastronomia são motivo de orgulho enorme para nós mineiros!

Dica de NYC: 5 Ótimos Restaurantes No Chelsea

Eu já me encontro em um estado louco de voltar a NYC!

Quando vi o post abaixo, sobre o amado Chelsea, não resisti em colocar aqui, mesmo não conhecendo nenhum desses 5 restaurantes indicados. A vontade de conhece-los bateu com força.

nyc.com

Com preços e especialidades variados, todos me soaram muito bons. Esse aqui, nem se fala.

Giovanni Rana Pastificio & Cucina
Located in the Chelsea Market (a great area to explore if you want to pick up a bite to go, cute knickknacks or artisan products), this almost two-year-old Italian restaurant comes straight from Italy and features the house-made pastas that made Giovanni Rana famous. While you can find your classic plates of spinach and marscapone ravioli, the spot also offers unique dishes such as beet fusillon and cheese ravioli with walnut pesto. Take in the glittery copper pots and rustic, homey feel of the large space, and make sure to end your meal with their heavenly tiramisu and bring some fresh pasta home from their take-out shop on the market side. 75 9th Ave., 212-370-0975, rananyc.com

Ah, o Chelsea Market!

Volto mais tarde | Ao som de Shakira – Hips Don’t Lie |

Coluna da Primogênita: Dicas de Miami – Joe’s Stone Crab

O Joe’s Stone Crab é um tradicional restaurante de Miami, que este ano completa um século de vida!! Na minha opinião, foi onde fiz as melhores refeições na cidade! E olha que eu nem fui no restaurante principal, somente no Take Away, localizado logo ao lado!

Joe's Stone Crab - Take Away Foto: Arquivo Pessoal
Joe’s Stone Crab – Take Away
Foto: Arquivo Pessoal

Eu li a respeito do restaurante em diversos blogs e guias e sempre havia a orientação de chegar cedo pois o local não aceita reservas e as filas são longas! Chegamos cedo, vimos várias pessoas entrando e seguimos o fluxo. Conseguimos facilmente uma mesa e eu, sem pestanejar, pedi imediatamente o lobster roll, meu prato americano favorito, como já contei aqui e aqui! Porém fiquei intrigada pois não vi a tal fila e nem achei o local tão bacana (em termos de decoração) quanto esperava! Quando a comida chegou, eu compreendi o porque de todo o sucesso! O roll foi um dos melhores que já comi, com lagostas fartas e suculentas! Minha boca enche d’água só de lembrar! Infelizmente, não deu tempo de fotografar! :).
De sobremesa, optamos pela famosa Key Lime Pie do local, que também estava ótima!

Tudo tão bom que outro dia, ao final da viagem, passeando pelo sul de South Beach, resolvemos, sem planejar, ir novamente: despedir do lobster roll e experimentar as patas de caranguejo que dão nome ao restaurante!

As patas de caranguejo do Joe's Stone Crabs Foto: Arquivo Pessoal
As patas de caranguejo do Joe’s Stone Crabs
Foto: Arquivo Pessoal

Antes que eu continue falando sobre o Joe’s, gostaria de acrescentar que no sul da ilha, na Collins Ave, há ótimas opções de compras, ao ar livre!

Somente nesta segunda ida, vi que havia uma outra entrada e que na verdade, tínhamos ido ao Take Away, e não ao restaurante principal. Esse sim muito bonito e sofisticado, com um delicioso pátio interno! O Take Away é um buffet, reúne vários moradores locais e no sábado a tarde tem um movimento animado! Acabamos ficando por lá mesmo, nesta segunda visita pois sim, já havia uma fila enorme para o restaurante principal e a fome não nos permitiu esperar!

As Stone Crabs são realmente uma delícia! Nunca tinha comido antes e adorei! Vale muito a pena experimentar!

O atendimento, mesmo se tratando de um self-service, é excelente! Os funcionários são todos muito simpáticos! E essa característica é tão marcante que há até um livro, compilando várias histórias dos garçons de lá, ao longo dos últimos cem anos, o Waiting At Joe’s.

Esse é o Michael, cozinheiro super gente fina que, só me permitiu fazer as fotos se ele entrasse no post!:)  Foto: Arquivo Pessoal
Esse é o Michael, cozinheiro super gente fina que, só me permitiu fazer as fotos se ele entrasse no post!:)
Foto: Arquivo Pessoal

Tanto para a versão sofisticada quanto para a mais descontraída, recomendo muito uma, duas ou mais visitas a esse clássico de Miami! Afinal de contas, se mesmo depois de um século de existência, o restaurante ainda causa filas gigantes, deve ser porque é bom mesmo!

Coluna da Primogênita: Dicas de Miami – Lincoln Road e Seu Entorno

A Lincoln Road é uma rua fechada no coração de South Beach e se tornou um dos meus lugares favoritos na cidade. Ela é repleta de lojas, sorveterias, bares, restaurantes e cafés o que garante movimento 24 horas! 

Foto: Arquivo Pessoal
Foto: Arquivo Pessoal

Por se localizar perto da praia, durante o dia o clima é bem relax, vários banhistas passeiam por lá em traje de banho mesmo! Já a noite, muitos curtem um bar ou restaurante pré-balada, então o estilo é mais arrumado. Mas não é super produção, o ambiente é bem tranqüilo, familiar, sempre com muitas crianças brincando, idosos passeando. Todos se misturam! 

Se você gosta de arquitetura, vale prestar atenção no edifício 1111 Lincoln Road, em um dos extremos da rua. Projetado pelo conceituado escritório de arquitetura Herzog & de Meuron, o edifício abriga alguns andares de estacionamento aberto e apoiados sobre colunas de concreto, além da parte residencial e comercial.

Há várias marcas bacanas por lá, como a MAC, Apple, Diesel, Banana Republic, entre outras. Os preços são bons, comparados ao Brasil, mas não são a “pechincha” dos outlets. É válido lembrar, no entanto, que diferentemente desses shoppings, aqui você sempre terá acesso à última coleção lançada. A Forever 21 tem uma loja bem grande e é uma opção para quem quer preços bem camaradas. Na Meridian Ave, perpendicular à Lincoln Road, há uma filial da Macy’s, onde se encontra uma ótima oferta de produtos, apesar de não ser uma das maiores lojas desta rede. 

Chega de compras! Vamos logo ao meu assunto favorito: comida!!!! 

Como a Lincoln Road fica bem perto do hotel onde me hospedei, fizemos algumas refeições por lá! Aqui vão as minhas dicas:

Paul 

Fiquei super nostálgica, quando vi a filial da Paul em Miami. Adoro essa padaria, desde os tempos do meu intercâmbio na França e ao avistá-la sabia que iria fazer um brunch por lá! A Paul é uma rede de padarias, fundada na cidade francesa de Lille, em 1889 e que hoje se encontra em mais de 30 países, com a filosofia de proporcionar a experiência de desfrutar as delícias de uma padaria francesa, em qualquer lugar do mundo. Os pães, as tortas, as quiches, os sanduíches, os doces, os cafés, tudo é muito gostoso. Indico muito!

Paul Foto: Arquivo pessoal

Nexxt Café

Restaurante que, para mim, é a cara da Lincoln Road! Sempre cheio, com muitas mesinhas ao ar livre é um lugar super gostoso para ficar um tempo, observando o movimento, durante um jantar. Ou um almoço, ou brunch, ou simplesmente, tomando uma! São mais de cem opções de pratos, dentre eles, pizzas, sanduíches, massas, tapas, saladas, pratos de carne, peixes… para todos os gostos! E vale dizer, todos os pratos, são enormes. Olha o tamanho da pizzete, que eu pedi e que, supostamente, se tratava de uma entrada. Obviamente que, para mim, foi o prato principal!

Foto: Arquivo Pessoal
Foto: Arquivo Pessoal

 

Hofbräu München 

Filial de uma das mais importantes cervejarias de Munique. Eu ainda não conheço a sede, mas já gostei bem da opção de Miami. Não entendo absolutamente nada de cerveja, é uma bebida que, na maioria das vezes, eu não gosto, mas gostei muito da que tomei aqui! Fomos atraídos para lá pelo jogo do Bayern de Munique que estava passando e a quantidade de alemães, vidrados, torcendo e bebendo. Comemos, claro, uma salsicha alemã, no molho curry, que estava deliciosa! Sei que essa não é uma dica típica de Miami mas como gostei muito, resolvi compartilhar e indico ainda mais fortemente, caso seja um dia de jogo de futebol alemão! 

Fotos: Arquivo Pessoal

Häagen-Daz

Dispensa maiores apresentações, não é nenhuma novidade aqui no Brasil, mas as lojas desta sorveteria no exterior costumam ter uma oferta maior de sobremesas geladas, como brownies, sundaes, smoothies, entre outros. Em qualquer viagem, eu recomendo uma pausa aqui!

Dois lugares que estavam na minha lista para ir na Lincoln Road e que eu não consegui, em decorrência do meu mal estar e que fiquei com muita vontade foram: Shake Shak, casa de sanduíches de NY, que por algum motivo sobrenatural, eu nunca consigo ir, mas sempre está na minha lista e pelos comentários de quem já foi, é de dar água na boca! 

Restaurante Juvia: Localizado em um terraço, supostamente tem uma vista super bacana e é uma boa opção de local para tomar um drink.

Española Way 

Pequena rua fechada, paralela à Lincoln Road, a uns três quarteirões de distância. Com fachadas inspiradas na arquitetura mediterrânea, indico muito esse passeio para um fim de tarde. Há vários restaurantes, de diversas origens: mexicana, cubana, italiana, entre outras, a maioria com mesas na calçada, criando um astral bem gostoso ao local! 

Foto: Arquivo Pessoal
Foto: Arquivo Pessoal

Então, essas são as minhas dicas. Se você tiver alguma dica de local da Lincoln Road não citado aqui, compartilhe nos comentários! 

Coluna da Primogênita: Boston – Restaurante Top of the Hub

O Prudential Building em Boston foi, durante muitos anos, o arranha-céu mais alto da cidade e, por isso, se tornou uma atração turística. Nos dias de hoje, esse título não mais lhe pertence mas o prédio ainda atrai muitos visitantes. No térreo, localiza-se o Prudential Center um shopping com várias lojas e restaurantes bacanas, mas é lá em cima que está a maior atração do edifício.

Foto: Arquivo Pessoal
Foto: Arquivo Pessoal

Continuar lendo “Coluna da Primogênita: Boston – Restaurante Top of the Hub”