Um post qualquer….fim do words of leisure?

Meus caros,

Como alguns poucos podem ter percebido, há muito o words of leisure não é atualizado, né?
2015 foi um ano de incríveis mudanças tanto na minha vida quanto da Primogênita (só que nesse post, eu vou falar por mim).
Sendo muito honesta, as mudanças na minha vida não são algo que tenho tido vontade de expor aqui; a absurda (e previsível) crise pela qual o nosso país passa tampouco me dá vontade de dar dicas de lugares, etc…
Claro que sinto muita falta de escrever por aqui: quando assisto a um filme (sabia que a Netflix seria minha salvação); quando vejo uma nova série ou quando alguma que eu gosto chega ao final; quando acabo de ler um livro ou um texto legal; quando escuto um álbum novo, testo um aplicativo….
Algumas vezes, durante o semestre, eu pensei que conseguira escrever, mas não rolou.
Ainda assim, mesmo com os meses que se passaram sem escrever, 2015 foi o ano com o maior número de acessos do blog. A média nesse tempo caiu, mas como antes estava bem acima, deu uma balanceada.
Por isso mesmo, não sei o que fazer… Se deixo o blog no ar para que as pessoas tenham acesso aos post? Fecho tudo? Fico só com Instagram e facebook (bom, aí eu teria que finalmente fazer a página né?)?
Eu, realmente, não sei. Mas, por enquanto, deixo aqui o meu mais profundo agradecimento a todos, por tudo.
Esse blog me deu muito mais do que eu jamais poderia imaginar. Valeu mesmo, à todos vocês, de coração.
  Ao som de The Corrs – Dreams |
Anúncios

Imagem do Dia: Viaje…

viaje

Viaje.
O quanto você puder.
Tanto quanto você pode.
Por quanto tempo puder.
A vida não foi feita para
ser vivida em apenas um lugar.

Ok.

Volto mais tarde | Ao som de Alicia Keys – Karma |

Infográfico: O Índice Veuve Clicquot, da Vivino

Vocês já ouviram falar do índice Big Mac, né? É aquele feito pela Economist, que calcula o preço do sanduíche em mais de 90 países, tendo o dólar como referência. Assim, pode-se saber qual é o grau de valorização (ou subvalorização) de uma moeda.

Pois bem, o querido aplicativo Vivino lançou o Índice Veuve Clicquot, com o mesmo propósito.

A especifidade da escolha está explicada aqui:

This wine is a great candidate to measure how much it costs for a good bottle of wine: It’s a classic Champagne, so it is widely available and likely always will be. The brand is ancient, time-tested, and well-respected, and that likely won’t change anytime soon. In fact, this Veuve Clicquot Champagne Brut is one of the 25 most rated wines in Vivino. And lastly, this Champagne is non-vintage, meaning we’ll never have to worry about year-to-year vintage inconsistencies and how that might affect pricing.

Basicamente, fala da tradição e respeitabilidade da Veuve Clicquot e como que, com ele, pode-se ter uma referência do quanto se paga por uma boa garrafa.

Dessa forma, pode-se ver, por exemplo, quantas garrafas podem ser compradas com 500 doletas.

Fonte: Vivino

Fonte: Vivino

Ou, então, quantas horas de trabalho são necessárias para se comprar uma garrafa.

table_image_bottle_median_700x930-bbae198d8f31a3ff0097b6bcefa6a951

Fonte: Vivino

A referência foi essa aqui:

Fonte: Vivino

Fonte: Vivino

Conclusão: orgulho dos números do Brasil, né?

#SQN

Para ler mais sobre o índice, clique aqui.

Volto mais tarde | Ao som de The Black Keys – Mind Eraser |

Infográfico: O tamanho verdadeiro da África

O post da Economist é de 2010, eu o vi há um tempo, mas acabei me esquecendo dele.

Para voltar à época de escola e lembrar-se da Projeção de Mercator, seus méritos e suas distorções.

Pois bem, o mapa abaixo foi feito para mostrar o verdadeiro tamanho do continente africano.

Tipo, impressionante.com

20101113_WOM943

Para ler mais a respeito, basta clciar na figura acima.

Volto mais tarde | Ao som de Goldfrapp – Ooh La La |

Imagem do Dia: ‪#‎ThanksStevie‬

Imagem do Dia…de ontem.

Thanks, Gerrard!

11039794_424875020970778_8271699323944151053_n

Volto mais tarde | Ao som de Gerry & The Pacemakers – You’ll Never Walk Alone |

Listas: 34 coisas que só as adolescentes dos anos 90 sabem

Gente, muito tempo que não coloco uma lista do BuzzFeed aqui, né?

Mas, essa, eu não tinha como deixar passar. Questão de honra.

34 coisas que só as adolescentes dos anos 90 sabem

Entre elas:

<3 <3 <3

24

25

E, claro:

34

Para ver os outros 31 itens, basta clicar em qualquer uma das figuras acima.

Volto mais tarde | Ao som de Suede – New Generation  |

Ilustrações: As diferenças entre NYC e São Francisco

A primeira, meu sonho voltar, para morar.

A segunda, meu sonho conhecer. Morar, quem sabe?

by The Cooper Review

by The Cooper Review

O Business Insider apresentou ilustrações feitas pelo The Cooper Review, que mostram as diferenças de se viver em cada uma delas.

Entre elas:

diff3.png

by The Cooper Review

by The Cooper Review

by The Cooper Review

by The Cooper Review

by The Cooper Review

diff7.png

by The Cooper Review

Para ver outras diferenças, basta clicar em qualquer uma das figuras acima.

Volto mais tarde | Ao som de The Cranberries – Schizophrenic Playboy |

Infográfico: Todos os visuais do Beckham

Assim como lamentei o fim da carreira futebolística do Beckham, não poderia deixar passar o momento em que o moço comemora seus 40 anos.

Pa-ra-béns!

A ele e os pais, por tamanha beleza.

Thank you. Very much.

11178378_10154134298663504_1894831798161680979_n

Feito pelo Esporte Interativo

Clique aqui para entrar na página do EI.

Volto mais tarde | Ao som de Blur – Ice Cream Man |

#BadJokeFriday: Quem se diverte…

Não é bad não….é véri gud.

10991358_10155279518105607_4562797739788271046_n

 

Só lembrando que nadie  significa ninguém…
Vi no Facebook, não sei quem fez.

Muito bom.

Volto mais tarde | Ao som de The La’s – Doledrum  |