Café & TV: Filme, “O Grande Hotel Budapeste”

E não é que assisti, em uma única semana, dois filmes que concorrem ao Oscar?!

Rá duplo para o mundo!

thegrandbudapest2

Eles só não foram publicados na mesma semana. Rá para mim.

Assisti ao filme na mesma semana que vi o Whiplash, mas só consegui postar hoje.

Fiz questão de colocar antes do Oscar visto que esse é um dos indicados com maior número de indicações: 9!

Mas, ao mesmo tempo, nem teria tanta necessidade, já que não vi a maioria dos que estão na lista…Não tenho como comparar.

O que sei é o tanto que gostei do Grande Hotel Budapeste.

Em primeiro lugar, como não babar no elenco? É impressionante como que, a cada cena, aparece um ator ou atriz sensacional. Olhem isso:

Ralph Fiennes, Tony Revolori, F. Murray Abraham, Adrien Brody, Willem Dafoe, Jude Law, Saoirse Ronan, Léa Seydoux, Mathieu Amalric, Jeff Goldblum, Harvey Keitel, Edward Norton, Jason Schwartzman, Tilda Swinton, Owen Wilson, Tom Wilkinson, Giselda Volodi, Bob Balaban, Fisher Stevens e Bill Murray.

Sem noção.

As imagens, as locações, os figurinos são irretocáveis. É algo que gera um encanto bem particular.

Li em alguns textos que as críticas aos filmes do Wes Anderson costumam ser justamente por serem extremamente belos, mas sem muito conteúdo.

Não penso ser o caso do Grande Hotel. Gostei bastante da história de amizade entre o gerente do hotel e um de seus funcionários, no período entre as duas guerras mundiais.

Cito parte do texto do Adoro Cinema:

O novo longa gira em torno de um velho escritor (Tom Wilkinson) que decide contar a história do tempo que passou no Grande Hotel Budapeste, quando ficou conhecendo o dono do local (F. Murray Abraham), que lhe contou a história de como virou dono do lugar. Sim, temos uma história dentro de uma história dentro de outra história. O espectador, no entanto, não precisa ter medo de ficar confuso, pois tudo flui de forma muito natural, seja a mudança de narrador, seja a passagem de tempo dentro de cada trama.

Abaixo, o trailer.

Se não ganhar aquelas categorias de fotografia, maquiagem, figurino, eu ficarei bem intrigada em ver os vencedores, viu? Muito belo esse filme.

Curti.

Volto mais tarde | Ao som de The Corrs – Erin Shore |

Advertisements

2 thoughts on “Café & TV: Filme, “O Grande Hotel Budapeste”

  1. Pingback: Café & TV: Filmes, “Mesmo Se Nada Der Certo” | words of leisure

Comentários

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s