Dica de Leitura: A Destruição do Harlem

Mais uma dica de leitura vinda da Revista piauí.

Penso que qualquer pessoa que é apaixonada por Nova Iorque não deveria deixar de ler.

Tampouco aqueles que gostam de ler sobre movimentos sociais, sobre o movimento negro nos EUA.

O texto do Gabriel Pasquini é excelente.

Destruicao-Harlem

Cito:

Um conjunto intrincado de circunstâncias históricas permitiu que o desejo fosse realizado. O Harlem – o nome é uma homenagem à cidade de Haarlem, a 20 quilômetros de Amsterdã – foi fundado no século XVII pelos holandeses, dos quais não sobrou vestígio algum além de duas ruas diagonais que sobreviveram ao retilíneo retraçado de Manhattan da primeira metade do século XIX. Nessa época, o bairro abrigava gente endinheirada ou visitantes de fim de semana, com iatismo, campos de polo e outras amenities. Sua zona leste depois receberia, sucessivamente, imigrantes pobres – irlandeses, judeus, italianos e porto-riquenhos. No Centro se estabeleceriam os judeus do norte da Europa, sobretudo da Alemanha, com algum dinheiro, o que explica o boomde construções entre o final do século XIX e início do XX. Mas quando o boom se revelou mera bolha imobiliária, porque as sinagogas já não conseguiam reunir o quórum mínimo de dez judeus homens para continuar funcionando, os investidores entraram em pânico. Um agente imobiliário negro, Philip Payton Jr., sugeriu que se alugassem ou vendessem as moradias para os negros que fugiam em massa do terror branco do Sul; eles até pagariam mais do que os brancos.

Para ler o restante, basta clicar na figura acima.

Como todo texto da Piauí, ele é grande.

Vale a pena.

Volto mais tarde | Ao som de Garbage – Cup of Coffee |

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s