Dica de Leitura: Conversa À Toa Sobre o Começo, o Meio e o Fim do Amor

Estou aproveitando esses últimos dias para colocar leituras em dia. Tinha salvo o texto Conversa à toa sobre o começo, o meio e o fim do amor (no Pocket) há um tempo, mas só consegui ler ontem.

Elena-Romanova-620x400
Texto publicado na Revista Bula

E ainda bem que o fiz, porque o texto é belo.

Cito:

Então, uma vez iniciado, o amor vive sua maior peleja: o meio. Porque difícil não é o começo e nem o fim do amor. É o meio, o que existe entre um e outro lado da história, entre a capa e a contracapa, a frente e o verso. O morno que um dia foi água pelando e no outro será gelo e indiferença. A segunda, terça, quarta e quinta feiras de todo amor.

Quando chega ao meio é que o amor se põe à prova. E só sobrevive a esse terreno esburacado e enganoso o amor dos amantes operários. O amor trabalhador. Porque é de subidas dolorosas, descidas traiçoeiras e retas sonolentas que se compõe esse meio-caminho.

Muito, muito, muito bacana.

Para ler, clique na figura acima.

Volto mais tarde | Ao som de Nina Persson – Sometimes |

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s