Coluna da Primogênita: Passeio em NYC: Chelsea/Meetpacking District

Nestas últimas semanas, a “Coluna da Primogênita” andou meio parada, mas em algumas épocas as coisas se acumulam e temos que resolver tudo ao mesmo tempo!! Poxa, que correria! Durante esses dias porém, pensei muito em NYC, infelizmente por um motivo tão triste como o furacão Sandy. Via aquelas imagens da cidade inundada, sem energia elétrica, abandonada em alguns lugares e isso partia o meu coração. Por favor, não joguem pedras, sei que existem tragédias ao redor do globo muito piores que essa, populações muito mais sofridas que os novaiorquinos, mas eu adoro tanto esse lugar que não tinha como ficar indiferente! No entanto, apesar de toda a aflição, o sentimento de esperança sempre existiu! Isso porque confio na capacidade incrível dessa cidade de se reinventar e essa tempestade será um abalo, dos fortes, mas acredito verdadeiramente na sua rápida reabilitação!

E hoje, para inspirar esse sentimento de esperança, escolhi falar sobre as regiões do Meetpacking District e Chelsea, já que a história desses lugares diz tanto sobre renovação! São bairros vizinhos, localizados na porção oeste da cidade, entre as ruas West 34th ao norte e Gasenvoort Street a sul. Ambas as regiões já foram distritos marginais e hoje fazem parte do hype de NYC!

O Chelsea é um bairro eminentemente residencial, que abriga também lindas galerias de arte e lojas super finas, como a Barneys CO-OP, em edifícios revitalizados que, em outros tempos, constituiam galpões e instalações industriais. Para quem curte arte é um passeio obrigatório!

O Meetpacking District, no passado, era uma área ocupada por frigoríficos e açougues. Prostituição e tráfico de drogas eram comuns por aquelas bandas. Mas a cidade continuava crescendo e a dificuldade de construção de novos edifícios fez com que, ao longo do tempo, empresários do mundo da moda e das artes começassem a ocupar a região e promover a migração de residentes com alto poder aquisitivo. Hoje a área é repleta de lojas de luxo, galerias de arte e restaurantes estrelados. Stella McCartney, Carlos Mielle, Diane Von Fustenberg estão entre os principais nomes deste processo de revitalização da vizinhança. Lá se localiza a minha loja favorita da Apple, mais tranquila e com melhor atendimento em comparação com as filiais do Soho e da Quinta Avenida, sempre lotadas!

Foto: Arquivo Pessoal

Abaixo, deixo algumas sugestões de programas na região:

 Hotel Chelsea: Eu não consigo acreditar que, até hoje, não conheço esse lugar! Mas, com certeza, está no meu roteiro para a próxima viagem e minha vontade de visitar é tão grande que deixo aqui essa dica! Trata-se de uma construção do século XIX e que nas décadas de 60/70 foi moradia de grandes artistas da contra-cultura americana, dentre eles, Bob Dylan, Patti Smith, o fotógrafo Robert Mapplethorpe, Andy Warhol, só para citar alguns. Naqueles tempos, o hotel não cobrava preços altos pela moradia e o que pedia em troca do abrigo era que os artistas mantivessem sua produção em atividade, o que permitia uma atmosfera de criatividade e trocas de experiências super em alta! Bacana demais! No livro Só Garotos da Patti Smith, que já foi comentado neste blog (para ver, clique aqui), a autora descreve, com detalhes este ambiente e, após esta leitura, simplesmente TENHO que conhecer!!!

Chelsea Market: atração imperdível, que já foi comentada em outro post, no words of leisure.

High Line: esta é uma intervenção urbanística que justifica a fama criativa e inovadora de NYC. Trata-se de um parque/praça suspenso, em um local onde antes funcionava uma linha férrea que encontrava-se abandonada e que, com sua revitalização, serviu de estímulo para o desenvolvimento local. O hotel The Standard, por exemplo, um lindo projeto arquitetônico e um grande investimento do setor de hotelaria da cidade foi construído em comunicação direta com a High Line. No blog do Pedro Andrade há um post super bacana a respeito dele, inclusive com um vídeo onde o arquiteto explica o projeto e a sua interação com a região. (Para ver, clique aqui).Excelente exemplo de aproveitamento do espaço urbano, além de ser, por si só, um ótimo passeio, com seus jardins e vistas bacanas do Rio Hudson, o parque, de tempos em tempos, abriga instalações artísticas e  apresentações musicais. Minha dica: passear por lá, degustando alguma guloseima do Chelsea Market!!

Foto: Arquivo Pessoal

The Collective: Esse é um restaurante que conheci meio que por acidente e pelo desepero que sinto quando estou com muita fome! Depois de uma longa caminhada por NYC – tinha saído de Midtown, perto da Times Square e andado até o Meetpacking – tinha estabelecido que merecia uma refeição bacana naquele fim do dia! A intenção era ir ao Pastis, restaurante ultra mega famoso da região, dos mesmos donos do Balthazar. Mas quando chegamos, a fila estava enorme e considerando o meu comportamento super tranquilo quando tomada pela fome, resolvemos não esperar! E foi aí que surgiu o The Collective, localizado logo em frente e com uma fila que estava bem menor! O que foi uma sorte, porque bastou conseguir uma mesa para surgir uma fila que virava o quarteirão! Bem, a comida estava ótima mas confesso que o que mais ficou gravado na memória foi a atmosfera do lugar! Decoração bizarra, super original e divertida, funcionários simpáticos e disponíveis para sugestões e um dj excelente garantiram relaxamento, diversão, enfim, uma ótima noite!

Depois de escrever esse post, estou com o coração tranquilo e a sensação de que, em breve, Nova Iorque se encontrará prontamente reestabelecida! God bless you New York!

Anúncios

8 comentários em “Coluna da Primogênita: Passeio em NYC: Chelsea/Meetpacking District

  1. Estou voltando desta maravilhosa cidade de Nova York. Amo demais. Fui com meu filho e como já estivemos lá antes, resolvemos seguir a sugestão da Primogênita e fomos até o Chelsea. Passeamos pela High Line e conhecemos o Chelsea Market. Maravilha. Como dito imperdível. Só vendo. Obrigada pela dica. Valeu muito.
    Katia Nunes (amiga antiga se ClaraBela ou Clarice)

    Curtir

    1. Kátia, fico muito feliz com um comentário desses! Que bom que as dicas foram úteis e que vocês aproveitaram!

      Curtir

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.