Retrospectiva 2011 wol: Os Melhores Álbuns Do Ano

Na minha retrospectiva dos melhores filmes do ano, eu acabei não fazendo uma, né? Afinal, poucos eu vi.

Mas o mesmo não acontecerá com os melhores álbuns. Óbvio que não.

Em 10o lugar, o belo retorno do Cake

A minha grande dificuldade foi estabelecer algum critério, já que não sou crítica profissional ou coisa do tipo. Sem contar que foi a minha primeira vez. Então, optei por aquilo que sempre acreditei ser o mais importante quando se fala de música: química. Ouvir e gostar de cara.

Outro ponto importante de enfatizar é que nem todos os álbuns eu comentei aqui no blog, infelizmente. Veremos se em 2012 eu serei mais eficiente nesse aspecto.

Não foi nada fácil tirar 10 de mais de 30. Sem mais delongas, vamos lá:

10o Cake, “Showroom of Compasion”

 

Como é bom ter o Cake de volta, após 7 anos, se não me engano. Adorei o Showroom que mostrou que qualidade não perde espaço. Ou não deveria perder.

 9o Metronomy, “The English Riviera”

Entrou na minha lista aos 45’ do segundo tempo. Demorei demais para adquirir e o que mais me estimulou foi ver como o álbum entrava em várias listas de sites, blogs e pessoas que eu respeito. E fez jus, é muito bom e, talvez, o mais “diferente” de toda essa minha lista.

8o Feist, “Metals”

Esse sim foi devidamente comentado aqui no blog. Gostei demais da mudança feita pela canadense, em comparação com os álbuns anteriores. Mas ainda assim, a voz continua uma beleza.

7o Foo Fighters, “Wasting Light”

Bem cru esse último do Foo Fighters né? Rock da melhor qualidade, simplesmente isso.

6o R.E.M, “Collapse Into Now”

O R.E.M. nunca deu ponto sem nó. Este, que acabou sendo o último álbum da banda, que anunciou seu fim no decorrer de 2011, é fantástico. O trio se retira pela porta da frente, com tapete vermelho e tudo mais que foi preciso. E merecido.

5o Gomez, “Whatever’s On Your Mind”

Gomez é uma delícia e Whatever’s on your mind me cativou desde o início. Muito, muito, bom.

4o Adele, “21”

Adele caiu no gosto popular, ainda mais agora que faz até parte de trilha sonora de novela da Globo, né? Pra mim, o que fica, de fato, é que ela é muito diva. Voz maravilhosa, compõe bem e fez por merecer todo esse sucesso que vem colhendo. 21 é maravilhoso e Set fire to the rain é uma monstruosidade.

3o Wilco, “The Whole Love”

Quase morri para decidir entre quem ficaria em segundo e terceiro lugar (que exagero!). The Whole Love é, nada mais nada menos, a exemplificação dos motivos que levam o Wilco a ser uma das minhas bandas favoritas, atualmente. Maravilhoso, exuberante.

2o Kasabian, “Velociraptor!”

Kasabian ou Wilco? Kasabian ou Wilco? “The Whole Love” ou “Velociraptor!”? “The Whole Love” ou “Velociraptor!”?

Outra banda que entra na minha lista das favoritas é o Kasabian. Impressionante o quanto que eles são bons, uma brisa de originalidade nesse mundo enfadonho que vivemos. Mas o que os levou ao segundo lugar? A música título, “Velociraptor!”, que me faz ter vontade de sair correndo pela Avenida Brasil (Sentido Praça da Liberdade – Bairro) como uma louca.

Velociraptor!
He’s gonna find ya!
He’s gonna kill ya!
He’s gonna eat ya!
You’re on the outskirts
Of his kingdom
So keep your head down!
Veloci– Velociraptor

Loucura!

Maravilhoso! Maravilhoso! Maravilhoso!

1o Noel Gallagher’s High Flying Birds – Noel Gallagher’s High Flying Birds

Nenhuma possibilidade de loucura foi capaz de superar O HOMEM

Ouvir o disco umas trocentas vezes seguidas colocou o Noel Gallagher’s High Flying Birds em primeiro lugar da minha lista, independentemente do que viria depois.

Para mim, a foto abaixo é totalmente ok!!

Ps: Acho que se eu tivesse que escolher algum lado na briga do Oasis, não é difícil perceber qual seria né, ao ver que o Beady Eye nem entrou nos meus 10 primeiros (mas foi por pouco..)

Amoreco da vivi esse rapaz!

Vários outros acabaram não entrando, como o supracitado Beady Eye, PJ Harvey, Thurston Moore, Transmissor, Andrea Corr…. Mas tive que seguir meu critério, senão a lista não sairia de forma alguma.

Espero que tenham gostado!

Agora, por favor, tenham misericórdia da blogueira aqui, porque o trabalho pra fazer esse post foi colossal. “Plis”.

Volto mais tarde | Ao som de Wilco, “The Whole Love” e Kasabian, “Velociraptor!’. Sim, 1 álbum e meio enquanto postava! |

7 comentários em “Retrospectiva 2011 wol: Os Melhores Álbuns Do Ano

  1. um dos melhores álbuns foi o “In The Grace of Your Love”, do “The Rapture”. Escreve ae. rsrsrsr

    Curtir

Deixe uma resposta para Dicas de música: 5 canções para ouvir na esteira « words of leisure Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.